Entenda a diferença entre Certificado e Diploma

  • Categoria :Destaques
  • Data :4 / janeiro / 2021

Entenda a diferença entre Certificado e Diploma

Você conhece a diferença entre diploma e certificado? Em relação à validade para comprovação de escolaridade, tanto o diploma quanto o certificado de conclusão de curso cumprem o mesmo propósito. Portanto, ambos são aceitos para o acesso ao mercado de trabalho. Mas há alguns pontos que diferenciam os dois documentos. Importante ressaltar que ambos são necessários para os profissionais que sabem a importância da qualificação para se destacar no mercado de trabalho.

 

O que é diploma?

 

O DIPLOMA é um documento formal emitido por instituições de ensino com cursos reconhecidos pelo MEC (Ministério da Educação), como a FAEP,  que tornam o titular habilitado ao exercício de uma profissão e possuem validade nacional. São emitidos para comprovar a conclusão em cursos de graduação: bacharelado, licenciatura e tecnologia, e de pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado).

Os estudantes que recebem o diploma estão habilitados a exercer a profissão em todo o território nacional. 

 

Quem pode emitir esses documentos?

O diploma pode ser emitido somente por Instituições de Ensino Superior (IES) que tenham cursos autorizados pelo Ministério da Educação. Sem o registro do MEC, esse documento não tem validade.

Já um certificado de conclusão de curso pode ser elaborado por qualquer unidade educacional que precise confirmar a participação do estudante em cursos de formação superior ou mesmo em eventos, como palestras, congressos, simpósios etc. Nesse documento constam informações como área de conhecimento, disciplinas ou temas abordados, carga horária e data de realização.

Há diferença entre um diploma presencial e um EAD?

A educação a distância (EAD) surgiu como uma excelente alternativa para quem pretende aumentar seu conhecimento, mas tem dificuldade em conciliar trabalho e estudos. As vantagens para o aluno que adere a essa modalidade de ensino são muitas, incluindo:

  • mais tempo livre;
  • menos gastos com mensalidade, materiais, transporte e alimentação fora de casa;
  • flexibilidade para estudar no local e no horário que desejar;
  • autonomia para conduzir os estudos no próprio ritmo.

Apesar das facilidades dos cursos a distância, muitas pessoas ainda ficam inseguras quanto à aceitação dessa formação pelo mercado de trabalho. Mas não há motivos para se preocupar, uma vez que não há diferença entre os diplomas EAD e presencial. Desde que a instituição seja credenciada e os cursos sejam reconhecidos pelo MEC, ambos os documentos têm a mesma validade para a atuação profissional.

Para saber se um diploma é reconhecido pelo MEC, basta pesquisar a instituição no site do e-MEC. A principal vantagem do diploma é o direito de ingressar em um curso de pós-graduação ou mestrado ou uma profissão com exigência legal.