fbpx
  • (11) 3564 1256 / 3218 0088
  • 011 97396 4026
  • |
  • atendimento@faculdadespaulistanas.edu.br

Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Objetivo

O objetivo da Graduação em Tecnologia de Análise e Desenvolvimento de Sistemas é formar profissionais que possam atuar no mercado como analistas de sistemas, desenvolvedores, projetistas de softwares ou gestores de projetos voltados ao desenvolvimento de sistemas e aplicações.

O curso capacita seus alunos a projetar, documentar, testar e implantar sistemas de informação bem como sua integração com processos administrativos, comerciais, hospitalares, industriais, de serviços e telecomunicações.

Público-Alvo

Para ingresso na graduação, o candidato deverá ter concluído o ensino médio até a data do início do curso, tendo que apresentar, obrigatoriamente o diploma e histórico desta etapa da educação básica para iniciar a educação superior.

Matriz Curricular

Disciplinas
  • ALGORITMOS E PROGRAMAÇÃO
  • FUNDAMENTOS DE TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO
  • FUNDAMENTOS DE MATEMÁTICA
  • INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA
  • SISTEMAS OPERACIONAIS
  • INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS E COMPETITIVIDE
  • GESTÃO DE PROJETOS
  • FILOSOFIA E SOCIOLOGIA
  • LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS
  • BANCO DE DADOS I
  • MODELAGEM E ESTRUTURA DE DADOS
  • SISTEMA DA INFORMAÇÃO PARA GESTÃO
  • LINGUAGEM WEB I
  • BANCO DE DADOS II
  • MATEMÁTICA FINANCEIRA
  • FERRAMENTAS DE DEVOPS
  • PROJETO INTEGRADOR I
  • DESENVOLVIMENTO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS
  • TÓPICOS ESPECIAIS EM DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS
  • GESTÃO DO CONHECIMENTO
  • ESTATÍSTICA
  • PROJETO INTEGRADOR II

Diferenciais

  • Contamos com professores atuantes no mercado corporativo, que apresentam em grau crescente de complexidade, técnicas, metodologias, melhores práticas e ferramentas utilizadas atualmente, bem como as principais tendências tecnológicas além de:

– Atividades colaborativas com tutores e professores,
– Material didático digital personalizado,
– Corpo docente formado por professores mestres e doutores,
– Tutores online à disposição dos alunos,
– Plataforma Moodle Rooms de aprendizagem disponível 24 horas por dia e atividades interativas individuais e em grupo.
– Curso avaliado com nota 4 no MEC (na escala de 1 a 5)
– Acesso livre à Biblioteca Virtual com mais de 10.000 exemplares

Mercado de trabalho

O Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas com formação estará apto a executar as seguintes atividades:
• Desenvolvimento e implantação de sistemas informatizados, dimensionando requisitos e funcionalidade do sistema, especificando sua arquitetura, escolhendo ferramentas de desenvolvimento, especificando programas e codificando aplicativos.
• Administração de ambientes informatizados, prestação de suporte técnico e treinamento ao cliente e elaboração de documentação técnica.
• Estabelecimento de padrões, coordenação de projetos oferecendo soluções para ambientes informatizados e pesquisa de novas tecnologias em informática. Estas atividades poderão ser executadas em organizações de diferentes áreas de atuação, tais como: prestadoras de serviços, comerciais, industriais ou agroindustriais, laboratórios de pesquisa, instituições de ensino, empresas que atuam na área financeira, saúde ou outra área que tenham a informática como meio ou atividade-fim. Estas são algumas das organizações públicas ou privadas que utilizam os recursos das tecnologias de informação.

Área de Atuação

Nesse mundo em constante transformação tecnológica, profissionais na área de tecnologia da informação são uns dos mais requisitados e ocupam papeis cada vez mais estratégicos nos negócios. Esses especialistas encontram ampla oferta de oportunidades no mercado de trabalho, em todos os segmentos, em todas as regiões do país e até mesmo no exterior.
Funções relacionadas à tecnologia são as que mais geram empregos atualmente. Estima-se que em um futuro próximo, não exista mão de obra qualificada suficiente para suprir a demanda mundial de pessoas que atuam nessa área.
Com o aumento das responsabilidades e exigências de mercado, é fundamental que desenvolvam novas habilidades além dos conhecimentos técnicos. O profissional da área de T.I. precisa apresentar outras competências (soft skills), como: comunicação, negociação, pensamento criativo e facilidade em trabalhar em equipe. Uma graduação que ofereça conhecimentos técnicos e trabalhe simultaneamente as competências socioemocionais garante que seus alunos se adaptem com mais facilidade, resiliência às mudanças profissionais ao longo tempo e que sejam capazes de planejar e conduzir seu futuro profissional.

Ligamos para você!

receber ligação